Dia: outubro 5, 2015

Dicas P&B – Inhotim

Oi gente!!!… Demorei para voltar com dicas, mas é porque estava pensando exatamente sobre qual das minhas últimas experiências seria mais legal dividir com vocês! Mas hoje cheguei a resposta… e sem sombra de dúvidas uma das minhas melhores descobertas nos últimos meses foi INHOTIM!

Quem sabe do que estou falando??? Com certeza se digitarem no Google para saber sobre Inhotim só vão achar ótimas referências e aqui não vai ser diferente! É certo que quem já conheceu sabe do que estou falando. Quem vai pela primeira vez, mesmo sabendo muito de lá, com certeza consegue voltar ainda mais deslumbrado. Foi assim que me senti e por isso quero dividir um pouco com vocês!

Inhotim é um Centro de Arte Contemporânea… mas não é um lugar comum… é “O” centro. É uma antiga fazenda de aproximadamente 110 hectares (Isso mesmo!!! É enorme!!!) com ar de um jardim recheado com esculturas, museus e muitas descobertas espalhadas por todo lado. Inhotim fica na cidade de Brumadinho/MG, a apenas 60Km de Belo Horizonte (Super fácil de chegar de carro!) , e surgiu como um abrigo da coleção particular de Bernardo Paz, em 2004, porém com a grande importância artística acabou sendo aberto ao público e se tornou um espaço único.

Os amantes de arte podem até achar que isso não é nada de mais, mas com certeza se estiverem lá vão entender do que estou falando… Não sou super entendida no assunto de artes, mas gosto de coisas diferentes e com certeza Inhotim é um dos lugares que todos devem conhecer para ter uma experiência incrível! A visita é indescritível, um lugar enorme, com obras que se relacionam ao espaço e paisagismo super aconchegantes.

Outro ponto super legal de Inhotim é que a visita não cansa, pois há um respiro entre uma obra e outra, entre uma galeria e outra… É possível descansar a vista e a cabeça admirando todo o paisagismo, os lagos, os bancos… tudo! rsrs O que também é muito legal é que, por se tratar de Arte Contemporânea, além de poder admirar as obras é possível interagir com elas… E nós amamos isso!!! Fora que tudo não é apenas jogado num espaço… Tudo faz sentido dentro do espaço construído e a gente não se sente tão “fora da casinha” – como acontece em muitos museus né?! (Quem se identifica com isso???? hahahaha) Sem sombras de dúvida, ao menos algum dos seus sentidos vai entender por que aquilo foi colocado naquele local para ser contemplado ou, às vezes, interagido.

Quem aí ficou com vontade de conhecer???? Eu com certeza voltarei… e em breve! Minha maior lamentação e não ter podido conhecer tudo – E olha que passamos o dia todo lá!… Mas, para conhecer Inhotim todo, com tempo, aproveitamento e tranquilidade, dizem que o ideal são três dias. Por isso… preciso preparar minha agenda para passar pelo menos mais dois dias por lá, né?! rsrs

Não posso falar aqui especificamente de cada obra de lá… Até porque não anotei tudo e minha memória não é assim tão boa…hehehe Mas puderam ver um pouco pelas fotinhos! E contudo, posso dizer que tudo que vi e passei em Inhotim, com certeza não sairão da minha memória fotográfica, do meu sentimento e da minha alma.

Para finalizar, o que não posso, jamais, deixar de indicar é que conheçam INHOTIM… Com seus olhos, suas emoções e seus sentimentos. Não vão se arrepender! Serão surpreendidos a cada passo e a cada piscada! Aproveitem!  😉

Beijinhos

Branca

%d blogueiros gostam disto: